DEUS ESTÁ FAZENDO ALGO NOVO NO SERTÃO

21 de setembro de 2017     0

Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo. (Is 43:18-19)

 

Como reflexo da estiagem, conforme a Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), a Bahia está atualmente com 218 dos seus 417 municípios com situação de emergência decretada – 21 deles com racionamento de água. A situação crítica aflige pequenas e grandes cidades, como Feira de Santana, Vitória da Conquista, na região sudoeste, e Juazeiro, na região norte.

Ao contrário dos personagens de “Vidas Secas”, no entanto, o sertanejo não cogita sair do pedaço de chão em meio ao semiárido onde nasceu e foi criado. Tem esperanças de que, a qualquer momento, uma “chuva boa” caia e mude a realidade. A última chuva foi em Janeiro, mas foi pouca coisa. Chuva para trazer água aqui tem que ser de trovoada. Estamos esperando, mas até agora não chegou. Mas a esperança é que ela venha! Pelas nuvens você conhece. Tem que vir por que Deus quer que venha. Se não vier, a gente tem que viver de qualquer jeito”, e acreditar em dias melhores.

Em tempos de transição e de muita pressão, temos dificuldade em enxergar o que Deus está fazendo no Sertão. As nossas emoções oscilam não aguentam. As pessoas ao nosso redor acabam de alguma forma, sendo afetadas por nossas atitudes em meio à turbulência e acabamos por ficar presos a religiosidade, a cultura, ao passado, presos nos erros, nas falhas, e deixamos de olhar para Deus, de buscá-lo.

A boa notícia é que Deus nos convida a virar a página da nossa vida e a deixar as coisas passadas para trás. Ele nos convida a recomeçar, pois um novo capítulo da nossa vida começa a ser lido.

Deus está fazendo coisa nova no Sertão e nos pergunta: “Vocês não estão percebendo?”. Talvez não estejamos percebendo porque estamos ainda distraídos com os desapontamentos, com o que aconteceu no passado, e tudo o que vemos são impossibilidades e incertezas. Mas o nosso Deus é o Deus das impossibilidades. Ele nos promete que colocará um caminho onde parece que jamais haveria uma saída. Ao lugar seco e ermo, Ele trará água para saciar a nossa sede durante a caminhada. Portanto, precisamos nos posicionar diante dessa promessa. Eu creio em um grande avivamento no Sertão. Anagé está vivendo isto. Quando Jesus chega a situação melhora. Tudo melhora!

Temos que nos alegrar, pois Deus não para de agir em nosso favor. Temos que buscar a face do Senhor intensamente, mesmo em tempos de crise, de estiagem, pois assim, começaremos a andar nesse caminho prometido. Jesus é o caminho e Ele mesmo nos conduzirá ao nosso destino. Ele nos enche com seu Espírito, enche o nosso ser que está como terra seca, que se sente, muitas vezes, solitário como o ermo. O Senhor é fiel para cumprir a sua palavra que diz que do nosso interior fluirão rios de águas viva.

 

Autor: Eliabe Gomes

Pastor responsável pela Central Anagé, Bahia. A plantação da igreja teve início em julho de 2013 com as Células, e hoje estão influenciando positivamente as comunidades, transformando vidas e restaurando famílias. Ele é casado com Valneide e é pai de Gabriel.