CNAS faz reunião extraordinária

11 de dezembro de 2017    

Na última semana ocorreu uma reunião extraordinária do CNAS – Conselho Nacional de Assistência Social em Brasília, para definição do processo eleitoral da sociedade civil para o novo mandato do CNAS, no ano que vem.

É importante que as organizações cristãs que atuam nesse contexto estejam atentas a isso, pois o processo de registro das entidades eleitoras e candidatas já deverá iniciar no começo de fevereiro. Para votar, a entidade deverá comprovar registro no Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS de no mínimo dois municípios de dois estados diferentes, e registro no Cadastro Nacional de Entidades de Assistência Social – CNEAS.

É fundamental a preparação e a mobilização de instituições evangélicas para maiores avanços. Entre as organizações confessionalmente cristãs evangélicas, somente o Centro de Assistência e Desenvolvimento Integral – CADI  têm representação no CNAS, a instância máxima de controle social e deliberação da Política Nacional da Assistência Social.

O CONSELHO NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL – CNAS

O Conselho foi instituído pela Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS (Lei 8742, de 07 de dezembro de 1993), como órgão superior de deliberação colegiada, vinculado à estrutura do órgão da Administração Pública Federal responsável pela coordenação da Política Nacional de Assistência Social (atualmente, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome), cujos membros, nomeados pelo Presidente da República, têm mandato de 2 (dois) anos, permitida uma única recondução por igual período. O CNAS é composto por 18 (dezoito) membros e respectivos suplentes, cujos nomes são indicados ao órgão da Administração Pública Federal responsável pela coordenação da Política Nacional de Assistência Social.

CLIQUE E SAIBA MAIS

REDE EVANGÉLICA NACIONAL DE AÇÃO SOCIAL – RENAS

Uma ampla rede de relacionamentos entre organizações e igrejas evangélicas que atuam na área social, no Brasil. A iniciativa visa proporcionar espaços de encorajamento, capacitação, articulação, mobilização, troca de experiências, informações, recursos e tecnologia social.

A Renas trabalha para ser a expressão dos valores do Reino de Deus e da missão de Jesus na sociedade brasileira, fomentando os valores de justiça, respeito, equidade, bondade e misericórdia por meio da ação social e na defesa dos direitos humanos.

CONHEÇA A REDE

 

 

Autor: Redação Povos e Línguas

Conteúdo missionário de referência sobre o que acontece no Brasil e no mundo.