AÇÃO!

13 de fevereiro de 2018    

Não se tem o número exato de igrejas e jovens que estão subindo para o Sertão do Brasil, mas a cada ano essa mobilização vem crescendo, vocacionados sendo despertados, igrejas se tornando missionárias e enviando pastores aos campos mais distantes. Essa movimentação tem sido orquestrada por diversos movimentos cristãos recentes e por pioneiros que estão no campo fazendo um trabalho exemplar apesar das grandes necessidades.

Porém, não há dúvidas de que o Senhor da Seara está chamando e despertando a Sua Igreja para o tempo do JÁ! O tempo do socorro, o tempo do despertamento e da salvação dos povos não alcançados incluindo milhares de brasileiros. Há um mover da Igreja Brasileira rumo ao Sertão e que tem impactado empresários, profissionais liberais (muitos já estão se decidindo para o campo missionário) e pastores que antes tinham apenas os grandes centros como alvo da sua missão. Deus está em Missão! Somos chamados a sermos seus cooperadores!

Ano passado o projeto Avança Sertão, do Grupo Povos e Línguas em parceria com diversas agências missionárias divulgou e mobilizou milhares de jovens em todo Brasil através das mídias sociais e eventos Todos os Povos Te Louvem. Cerca de 300 jovens foram diretamente mobilizados para as caravanas e Impactos do LIVRES, JUVEP, AMES e SERTÃO CLAMA, EXPEDIÇÃO PIAUÍ e outras tantas agências aguerridas na missão de evangelizar o Brasil. Muitos foram impulsionados a irem diretamente representando a sua igreja e outros centenas estão se programando para  subirem no feriado de carnaval e para as férias de julho, onde novas caravanas já estão sendo programadas.

FÉRIAS… SERTÃO… MISSÃO!

As férias de janeiro são sempre aguardadas por milhares de jovens. Tempo de se divertir e pegar praia, piscina e muita diversão. Correto? Não para outros milhares de jovens apaixonados por Jesus e a sua MISSÃO!

Todo janeiro a história se repete. Cerca de 1.500 a 2.000 jovens pegam as estradas empoeiradas do Sertão brasileiro rumo aos mais distantes vilarejos e povoados quilombolas esquecidos para falar e cantar o amor, levar a mensagem da criação de Deus e anunciar Jesus, o salvador. Levar alento, afeto, compartilhar a palavra de Deus e distribuir um pouco de alimento, roupas e brinquedos suprindo, em parte, a grande necessidade material dos sertanejos, povos simples, mas muito feliz e acolhedor.

LIVRES PARA SEREM VOCACIONADOS

Este ano foi a décima primeira edição do projeto Livres Ser que aconteceu de 15 a 25 de janeiro em Monsehor Hipólito-PI, cidade de 7 mil habitantes. Trezentos jovens de todos os estados brasileiros marcaram presença em uma ação que envolveu: Visitas às casas das comunidades para geração e fortalecimento de vínculos; atividades pedagógicas, recreativas e esportivas com crianças e adolescentes; atendimentos médicos, odontológicos e de saúde em geral; exames médicos e odontológicos; realização de atividades culturais, musicais e recreativas nas praças da cidade todas as noites; palestras e atendimentos individualizados sobre direitos e benefícios sociais e a construção do templo que irá ser cuidado pelos pastores Fernando e Dalete, que já moram na cidade há dois anos.

A equipe de saúde contou com 12 médicos de Teresina mais uma equipe diversificada de médicos voluntários que trabalhou dia e noite sem parar. Em apenas dois dias foram realizados 200 ultrassons e 98 eletrocardiogramas. A maioria nunca tinha ido a um médico ou feito qualquer exame, uma triste realidade em quase todo Sertão. Por dia, cerca de 200 crianças e adolescentes participaram de diversas atividades culturais e recreativas e ministrações sobre paternidade.  

O que mais impactou a todos aqui é o grande mover de Deus com milagres e curas físicas. Os testemunhos são sempre muito intensos e não só a comunidade está sendo tocada, mas o voluntários estão tendo uma grande experiência nesse tempo de serviço. Relatou Daniela Brandão Pires – Assessora de Comunicação. “ Precisamos de muitas orações da Igreja. Para que os céus se abram e venha chuva em abundância para renovar a terra. Eles vivem do caju e da vaquejada, mas o gado está morrendo e o caju… acabou.”

Deixai vir a mim as criança…

De São José dos Campos saíram 11 jovens da Igreja da Cidade. Eles foram mobilizados pelo Avança Sertão. Jovens cheios do temor e do amor de Deus.

Marcos Bastos, líder de célula e do ministério de fotografia, fez a sua primeira viagem missionária e participou do Impacto Livres. “Foi um grande impacto, como o nome mesmo diz, e me atingiu em cheio. Tudo é muito profundo, o povo é receptivo, mas as crianças mexem muito com o nosso coração. Agradeço a Deus a oportunidade, uma experiência de Vida. Estar aqui no sertão fazendo missões é um reencontro com aquilo que o Senhor me chamou pra fazer”.

Observem os Corvos…

Sério eu que sempre tive tudo ao meu dispor, deixar tudo pra falar do amor de Jesus nos lugares mais quentes ou longes é difícil, mas saber que Cristo foi torturado e morto por meus pecados, faz qualquer banho de balde com um sapo te olhando fichinha. Toda vez que comia ou fazia algo que eu não gostava, pensava o quanto Cristo pediu para o Pai livrá-lo da cruz, mas como ele preferiu seguir a vontade de Deus. Ele decidiu sofrer por mim e por você e a comida ou a coisa que estava fazendo não me incomodava mais.

Missão é um dos chamados mais difíceis e mais fascinantes que tem, pois você realmente vive Cristo e faz isso por Ele, sem se importar com o que irá passar ou o quão longe estará de casa. Deus quer pessoas dispostas a deixar tudo e seguir Cristo e não importa aonde você vai, não importa o que vai comer, não importa o que você vai passar, se você continuar firme, Ele irá providenciar as demais coisas.

Observem os corvos: não semeiam nem colhem, não têm armazéns nem celeiros; contudo, Deus os alimenta. E vocês têm muito mais valor do que as aves!  Lucas 12:24. Declarou Julia Menezes, Igreja da Cidade em Caçapava-SP, que foi uma das 11 integrantes da caravana.

Autor: Redação Povos e Línguas

Conteúdo missionário de referência sobre o que acontece no Brasil e no mundo.